20 de dezembro de 2010

No fundo sou sozinha. Há verdades que nem a Deus eu contei. E nem a mim mesma. Sou um segredo fechado a sete chaves...


        Peço o favor de fazerem silêncio. Assim: si-lên-cio. Estou tão triste...